Educação

Trabalhar com TI no Canadá: a área é uma das mais promissoras

Pinterest LinkedIn Tumblr

Se você tem interesse em trabalhar com TI no Canadá e já atua ou pensa em atuar na área, saiba que a demanda está crescendo e existem boas oportunidades. De acordo com um estudo feito pela Randstad Canada, a área de Tecnologia da Informação está entre as mais promissoras. Leia o artigo e saiba como funciona e por onde começar!

College e Degree de TI no Canadá

Para quem ainda está entrando na área de TI, uma boa opção é fazer um college. Durante o college, é possível trabalhar por até 20 horas semanais (com exceção das férias, em que não há restrições). Após o college, é possível solicitar o PGWP (Post-Graduation Work Permit), uma permissão de trabalho temporária.

A durabilidade dessa permissão varia de acordo com o tempo do curso. Se o curso durar apenas um ano, a permissão concedida será de apenas um ano. Já se tiver dois anos de duração, é possível obter o PGWP e trabalhar por mais dois a três anos no país. Cursos de três anos possibilitam que seja solicitada a permissão para mais três anos de trabalho, que é o máximo de tempo concedido por meio do PGWP. Este tipo de permissão costuma ser muito requisitado por quem deseja imigrar para o Canadá no futuro.

A outra opção é cursar um programa com Co-op. Este tipo de curso tem curta duração e é voltado para quem deseja trabalhar e estudar no Canadá. O Co-op é uma espécie de estágio obrigatório que pode ou não ser remunerado, mas que é essencial para que o certificado ou diploma seja emitido.

Algumas escolas têm parcerias com empresas que costumam convidar o aluno para entrevistas. Nesta opção, para conseguir a permissão é necessário que o aluno tenha iniciado o curso com duração acima de 24 semanas.

Para o Co-op o aluno precisa ter mais de 18 anos de idade, diploma de ensino médio e proficiência em inglês comprovada por meio de exames como o TOEFL e o IELTS. Também costuma ser realizada uma entrevista por telefone ou Skype para comprar o nível de inglês.

Quem ainda não tem inglês avançado, pode optar por fazer um pathway. O programa é voltado especialmente para quem deseja preparar-se para uma graduação no Canadá e, além de aprender inglês, o aluno também se familiariza com o sistema de ensino canadense.

Habilidades mais requisitadas

Os profissionais com habilidades em codificações são muito requisitados para trabalhar com TI no Canadá, principalmente quando se trata de Java, Python e Ruby. Linguagens de desenvolvimento web, HTML, CSS, C#, Linux, .net, Javascript e SQL também são muito valorizadas.

Carreiras em alta

São várias as áreas que abrangem o TI. É possível especializar-se em uma delas. Para que você escolha uma excelente opção para trabalhar com TI no Canadá, veja quais são áreas que estão mais em alta durante os últimos anos:

  • Project manager
  • Software engineer
  • Web developer
  • Programmer analyst
  • Java developer
  • Systems administrator
  • Quality assurance analyst

Salário

A indústria de TI tem salários competitivos. O salário médio anual é de CAD 81.500, embora varia de acordo com a cidade. Em Toronto, por exemplo, a média salarial é de CAD56,600 a $119,650.

Como encontrar e conquistar uma boa vaga para trabalhar com TI no Canadá

A primeira coisa a fazer é criar um currículo nos moldes canadenses, pois ele é diferente do modelo utilizado no Brasil. Depois, é necessário fazer uma carta de apresentação e personalizar o currículo e a carta de acordo com cada vaga. Currículos generalistas demais costumam ser descartados.

Ter um portfólio de projetos realizados também é muito interessante, pois comprova a expertise na área. Para quem não tem experiência, é preciso se candidatar nas vagas chamadas de Enter Level Jobs. Geralmente elas estão presentes em empresas menores e você encontra anúncios em sites como o Craiglist.

Algumas províncias disponibilizam plataformas online em que é possível candidatar-se as vagas ofertadas. Uma delas é o site Quebecntete.

Ao se candidatar, tenha em mente que o processo seletivo canadense tem várias etapas e incluem um teste prático. Portanto, é importante se preparar ao máximo.

Além de buscar uma oportunidade na área, também é possível abrir uma startup. Confira mais informações em nosso artigo: Já pensou em abrir sua startup no Canadá? Saiba como isso é possível!

Fonte: Canada Ponto

Write A Comment